Blog

Compliance ambiental: Agrotools e Klabin vencem 4º prêmio Mapbiomas

Compliance ambiental: projeto desenvolvido pela Agrotools e Klabin vence o 4º prêmio MapBiomas

Compliance ambiental: Agrotools e Klabin vencem 4º prêmio Mapbiomas

6 de outubro de 2022

Tempo de Leitura: 5 minutos

Um projeto desenvolvido pela Agrotools e Klabin venceu o 4º prêmio MapBiomas – uma rede colaborativa que busca ampliar o entendimento sobre o uso da terra no Brasil. Articulando a comunidade acadêmica, ONGs e empresas, a iniciativa fomenta a inteligência de dados para melhor tomada de decisão no uso do solo, visando o equilíbrio entre as atividades produtivas e a sustentabilidade ambiental. Na prática, o que se busca é concretizar a agenda ESG em ações, melhoria de processos e evolução tecnológica.

O estudo Compliance ambiental utilizando dados do Mapbiomas que sagrou-se vencedor na categoria Aplicações em Negócios, foi elaborado pelo supervisor de Planejamento Florestal da Klabin, Renato Renato Kreczkiuski em parceria com o COO da Agrotools, Rafael Gomes. Combinando dados do MapBiomas na plataforma Terramatrix da Agrotools com diversas outras camadas de informações, com alternativa de consumo integrado com a plataforma ArcGIS da Esri,  o objetivo foi identificar propriedades rurais com viabilidade quanto a critérios ESG para implantação de florestas plantadas capazes de abastecer fábricas de celulose.

Cruzamento de informações e critérios de viabilidade

O êxito desse levantamento, em que foram analisadas propriedades rurais de proprietários terceiros, demonstra a regularidade dos territórios em relação ao Código Florestal e a aderência a normas da certificação florestal FSC (Forest Stewardship Council). Cruzando várias camadas de informações, a plataforma Terramatrix possibilitou emitir extratos completos de viabilidade, oferecendo critérios sólidos para suprimir áreas não elegíveis e assegurar o compliance daquelas que atenderam aos parâmetros estabelecidos.

Trata-se, portanto, de um sofisticado esforço de levantamento de informações, cruzamento de dados e critérios, para assegurar a devida tomada de decisão. O trabalho ressalta em sua conclusão que foi possível gerar muitas informações e análises utilizando os dados do Mapbiomas através do Terramatrix, muito úteis para o monitoramento dos desmatamentos e mudanças na cobertura do uso do solo, possibilitando a complementação segura em diagnósticos ambientais durante os processos de prospecção florestal. 

Plataforma robusta e confiável

Seria lento e menos viável realizar de forma manual um estudo de tamanha abrangência, que envolve diversos municípios, em vários estados, pormenorizando o levantamento de inúmeras camadas de dados e verificando os devidos critérios. “Cada analista tinha um olhar, e isso sempre gerava algum questionamento”, revela Kreczkiuski.  Tal constatação deixa claro como a plataforma Terramatrix oferece condições técnicas ideais para análise de dados mais robusta e confiável. “Conseguimos adentrar em detalhes da floresta, pelo fato de conter a história do território em uma janela temporal muito rica em conhecimento, que serve como forte insumo a insights precisos”, explica Rafael Gomes.

Outros estudos desenvolvidos

O 4º prêmio MapBiomas contou ainda com as categorias Geral, Jovem e Destaque Aplicações em Políticas Públicas, além da já referida categoria Destaque Aplicações em Negócios – novidade desta edição.  Outros cinco trabalhos foram premiados juntamente com o desenvolvido por Renato Kreczkiuski e Rafael Gomes, respectivamente, da Klabin e Agrotools.

O pesquisador da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) Trevor Ray Tisler analisou o impacto de infraestruturas de transporte na conservação da vegetação nativa nos seis biomas do país. Seu trabalho, premiado na categoria Geral, aborda oportunidades e desafios de conservação nas áreas sem estradas e sem ferrovias do Brasil. Já Patrícia Guidão Cruz Ruggiero da Universidade de São Paulo investigou como ciclos eleitorais afetam o desmatamento na Mata Atlântica brasileira. 

Na categoria Jovem, Alexandre Bomfim Gurgel do Carmo, da Universidade Federal de São Carlos o os co-autores Felipe Rosafa Gavioli e Paulo Guilherme Molin realizaram análises qualitativa, quantitativa e temporal da cobertura de vegetação nativa das Zonas de Amortecimento das Unidades de Conservação do Estado de São Paulo.

O destaque na categoria Aplicação em Políticas Públicas ficou para o trabalho de Mariella Butti de Freitas Guilherme e outros pesquisadores do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), que avaliou o risco de extinção de mamíferos terrestres por meio de um modelo em código aberto que estima a perda de habitat.

Nova call to action

Agrotools monitora uso do solo ao longo dos anos

Assim como demonstrou o estudo vencedor do prêmio MapBiomas, consagrando a parceria da Klabin com a Agrotools, o monitoramento de territórios rurais possibilita entender de forma abrangente as mudanças que aconteceram ao longo do tempo. Antes mesmo do surgimento do Cadastro Ambiental Rural (CAR) nossa tecnologia registrada GeoID possibilitou uma identidade geográfica inteligente para cada território. Seja visando o atendimento de critérios para certificações, para garantir o compliance no fornecimento de matérias primas ou mesmo para blindar a marca quanto a riscos reputacionais.

O uso de ferramentas tecnológicas de ponta se tornou um caminho sem volta para empresas que se relacionam com territórios rurais, seja direta ou indiretamente. E a Agrotools é pioneira em traduzir para o mundo corporativo os riscos e as oportunidades envolvidos na produção no campo.  Que tal entender melhor como nossas APIs, plataforma Saas e soluções digitais podem gerar valor para sua operação? Nossos especialistas estão de prontidão para entender o cenário do seu negócio e como trazer mais inteligência de dados para diferentes necessidades e objetivos.


Gerencie sua originação no campo de forma mais ágil e 100% digital

Com a tecnologia Agrotools, você tem acesso fácil a dados detalhados de todos os seus fornecedores na palma da mão. Aumente seu poder de barganha e sinta a evolução nos resultados!

Quero saber mais

Relacionados

Uma mão segura um laptop sobre uma plantação, enquanto a outra digita. Acima aparecem gráficos de análise de dados do agronegócio.

Gestão de riscos socioambientais no agronegócio: como fazer da forma correta

Manuseio de plantação, representando a agricultura de baixo carbono.

Agricultura de baixo carbono: o que é, como aplicar, desafios e oportunidades para o futuro

Máquina agrícola trabalhando em uma plantação, enquanto no céu há 3 siglas de CO2, responsável pelas mudanças climáticas

Mudanças Climáticas: Importância e Desafios da Redução das Emissões de Carbono no Agronegócio

Solicitar Orçamento